domingo, 20 de julho de 2008

ABC



No Alinhamento de pensamentos, a Arquitectura dos gestos não deixou que a Ausência atravessasse a Alameda percorrida.
Na Brancura do papel a Caligrafia, colocada com todo o Civismo no Centro das ideias, não se enleou em Distracção.
No seu espírito de um total Desassossego só havia uma certeza: o grande amor de DEUS por si.
A Eternidade em que acreditava deixava-o, no entanto, Exposto a alguns sarcasmos. A Estranheza desse pensamento criava uma tal Geometria, um Improviso de formas que não conseguia reconhecer.
Sereno e com muita paz sabia que a suJidade lhe era alheia.
A Liberdade de escolha, não o deixava Limitado. As Linhas da sua vida, das suas mãos, anunciavam Loucura. Uma loucura saudável de sonho e paz.
Na Miragem de um dia novo também havia soMbras. Necessárias ao equilibrio. Um iliMitado desejo de ser feliz era um porMenor importante. A sua Natureza dizia-lhe que apesar de tudo, dos riscos e dos temores, o seu Natal havia de ser belo.
Ao Reflectir em tudo o que escrevera, em tudo o que pensara (e desejara) havia a certeza de um Romance lindo. Imaginário, sim, mas perfeito.
O Sonho comanda a vida, escrevera o poeta. A Solidão em que se via por vezes envolvido era apenas uma fase que tentava anular. A Sombra e o Sol, tão distantes e tão próximos, faziam parte da sua vida. O Tempo que ainda lhe restava, e que desejava longo (nem sempre...) era a medida da sua ambição.

....

(Uma Vaporosa neblina desceu hoje da serra. A voZ dos pássaros ouvia-se em surdina e nessa altura acordou de um sonho estranho. Teria sido por isso que tudo isto aqui está?)

7 comentários:

viajante disse...

Algumas notas como P.S.:
Na falta de temas em F e J apenas se respeita a ordem dos autores.
Não há autores em H,O,Q e X.
Outras pequenas excepções confirmam a regra. A falta de um ou outro companheiro de jornada apenas significa que não era possivel o enquadramento.
A todos vós, obrigado pelas fotos.
À M. a saudação de sempre. Sem ela isto não era possivel.

TMara disse...

Zé Matias fizeste uma brincadeira - deliciosa c/ o meu nick. Obrigada pela foto escolhida, minha amada mãe em tempos cronológicos bem diferentes. E tmb obrigada por teres trazido algumas fotos de pessoas k deixaram este espaço e k soube bem rever no conjunto de belas imagens.
E tens razão, obrigada à M. Elas faz com k este espaço comunicacional exista.
Bjs
Luz e paz para todos nós

bettips disse...

Transforma-se assim "o jogo de palavras" e o "jogo dos olhares" em alegre aceno em que tantos de nós se envolveram.
No teu sentido, o "de sonhar" alto.
Ficou lindo!
Bj

M. disse...

Meu Deus, mas esta gente está cheia de truques estéticos!

Rosalina disse...

Muito curioso este trabalho.

mariaryder disse...

Que maravilha as fotos, o texto, que bem conseguido com as palavras chave, muito giro... qq dia ainda fazem as "Olimpíadas dos Blogs"!!!
Obrigada em 1º lugar à M., sem a sua iniciativa e mt trabalho e paciência para nós e ao Zé V. por estas "brincadeiras" que de qd em qd nos oferece.
Mesmo nos ALLgarves não consigo dispensar estas consultas a esta máquina...De vez em qd fico sem NET como hoje, mas vim tentar a esta adiantada hora e conseguir ver e ler este belo "trabalho de casa".
Parabéns e Obrigada
Abraços e bom Verão. Até à DESPEDIDA!
mj

escorpião disse...

Simplesmente fantástico!!!!!!!!!!!!
:-)